UMA “AVENTURA” NO MUNDO DA MATERNIDADE

Ontem foi o dia das mães. Escolhi me aventurar a escrever sobre maternidade e flexibilidade psicológica, termo cunhado pela Terapia de Aceitação e Compromisso. A flexibilidade psicológica é buscada por meio da associação de processos de aceitação e de atenção com os processos de compromisso e mudança de comportamento. São 6 processos centrais que pensei em explorar nesta escrita a partir do tema da maternidade. São eles: Momento presente/atenção flexível: Tem experiência mais momento presente do que estar observando um...

Por que ficamos presos?

Alguma vez você já sentiu que não conseguia se livrar de um problema? Talvez daquela ansiedade que você tem antes de algum evento, da procrastinação rotineira das suas tarefas, ou mesmo de uma sensação interna de vazio. O fato é que, diariamente, todos nós lidamos com situações mais ou menos estressantes, o que nos demanda algumas estratégias para que possamos lidar com isso. Por exemplo, antes de uma apresentação, podemos tentar nos preparar com antecedência, estudando bastante, ensaiando nossa fala...

Afinal, o que fica de tudo isto?

O coração aperta, angustiado. O peito dói. Uma dor daquelas emocionais, que alongamentos físicos ou remédios não aliviam. O peito arde das perdas, das incertezas, dos medos que me assombram. Respirar profundamente, meditar, sentir o peito apertado em silêncio talvez confortasse este coração que arde. Mas agora eu simplesmente não consigo. Quem sabe depois. Caminhar ao ar livre sempre me ajuda. Mas hoje senti frio e não consegui. À noite, vou buscar algum “respiro” como aquele que o calor do...

Que pessoa você quer ser em 2021?

  Mindfulness é uma prática que permite ter qualidade de presença ou qualidade de consciência. É uma forma de viver desperto, com os olhos abertos, observando, descrevendo e participando da realidade no momento, com efetividade e de forma não julgadora. Dentro desse ponto de vista gosto muito da perspectiva Zen Budista do mindfulness, ou seja, a possibilidade contemplativa da experiência, sem evitá-la, suprimi-la ou tentando mudá-la. É uma prática fundamental para a vivência espiritual contemplativa, independente de religião ou crença,...

RETROSPECTIVA NÃO. TOMADA DE PERSPECTIVA SIM.

Estamos nos primeiros dias de dezembro. Estamos no início do último mês do ano. Perspectivas diferentes de um mesmo evento. Inicio este texto com um convite para uma pausa. Um exercício de consciência e de tomada de perspectiva do seu ano. Não sobre o ano de todos, não sobre este 2020 pandêmico que marca a vida e a história de toda a humanidade, e sim do seu ano. Um convite para olhar, com seus “olhos de dentro” para as suas...

O Julgamento

Quando comecei a estudar as terapias comportamentais contextuais e mindfulness, logo de cara me deparei com um desafio: como adotar uma postura não julgadora? Kabat Zinn, um dos principais precursores dos estudos em mindfulness descreveu esta habilidade como prestar atenção de propósito e sem julgamento. Não só ele, mas tantos outros autores associam o não julgamento à abertura e aceitação, processo bastante explorado na ciência comportamental contextual. Eu, como tenho um lado que gosta de seguir regras e queria fazer...

Em Busca de Rotas Alternativas

Quando eu saio de casa e toca uma música que eu gosto, acontece o seguinte: paro na escola dos meus filhos querendo ir para o consultório (digo, parava, em outra época kkk), no consultório tentando ir pra casa… São respostas automáticas, as quais nos ajudam imensamente a economizar energia e tocar a vida da forma que precisamos. Por isso gosto e faço uso de um bom GPS. Além das minhas óbvias dificuldades de localização geográfica e espacial, ele me parece...

EU NÃO TROCARIA ESTA DOR POR NADA NESTE MUNDO…

Foi uma das frases ditas pela maravilhosa “treinadora” de psicoterapeutas, Robyn Walser, que esteve no Workshop online promovido pelo Núcleo Cefi Contextus no último final de semana. Um workshop sensível e ao mesmo tempo “pé no chão”, que é, como eu entendo, uma forma flexível de lidar com as dores da vida. Sensível no sentido de se conectar com o outro, com os olhos, com o corpo inteiro. “Pé no chão” no sentido de não fugir da dor que está...

Como entendemos o luto?

A maioria das pessoas perde algo ou alguém importante durante sua vida, talvez um familiar, seu trabalho, a saúde, um relacionamento ou, inclusive, uma crença que tinha muito sentido e que agora não tem tanto. Todos estamos propensos a perder vínculos valiosos ao longo de nossa vida, faz parte de ter mudanças, e que mudemos junto com ela. Por alguns anos meu trabalho me levou a estar junto de pessoas que perderam seus entes queridos por morte, escutei suas histórias...

3 passos para se manter mais focado

Nosso estado natural de fácil distração é um prato cheio para iniciarmos uma atividade e, no meio do caminho, nos deixarmos ser desviados por algum barulho inesperado, por uma lembrança de outra coisa a ser feita ou atraídos pela geladeira. Se estivermos em estado ansioso ou de estresse então a geladeira torna-se bastante procurada especialmente quando se está em casa de quarentena. Há momentos nos quais a distração ocorre simplesmente por não termos clareza do que estamos buscando, em outros...