Ai, que vergonha!

Você já sentiu vergonha? Consegue perceber como esta emoção interfere na sua vida? Consegue reconhecer algumas situações que foram ou são gatilhos para desencadear essa emoção?  Existem algumas expressões que são mais comuns quando a vergonha aparece, como ficar com o rosto ruborizado, desviar o olhar ou esconder o rosto. Mas cada pessoa tem suas próprias sensações internas ao experimentar a vergonha. Você consegue identificar o que sente no seu corpo, o que passa na sua mente e como seu...

A vida (entre) posts – reflexões sobre as mídias sociais

Nesse texto gostaria de abordar nossa relação com as mídias sociais. Não são fórmulas, nem verdades absolutas, longe disso! Trago pontos de reflexão que tenho me indagado sobre a forma como as mídias sociais podem impactar nossa vida e algumas ideias do que podemos fazer em relação a isso. Quero tentar exercitar aqui uma olhar dialético, que compreende que opostos não são excludentes e que observar vários lados de um mesmo fenômeno pode ampliar nossa consciência, diversificar perspectivas e nos...

Lidando com a imprevisibilidade

Até ontem eu já tinha decidido sobre o que eu gostaria de escrever no blog dessa semana. Já tinha estruturado o texto na minha cabeça e só faltava colocar no papel. Mas aí a vida aconteceu. Para ser mais descritiva, quando digo a vida, me refiro àquela qualidade tão excitante e ao mesmo tempo tão assustadora que ela tem… a imprevisibilidade. Um parente querido que morre, o diagnóstico de uma doença grave, a perda de algo importante, etc. Felizmente não...

FORA DO CONTROLE

Você é daquelas pessoas que adora ter tudo sob controle? Mas, você já reparou que há coisas na vida que estão completamente fora do nosso controle? Mesmo que a gente saiba disso, insistimos em querer definir como as coisas deveriam ser. Eu era nova quando comecei a querer controlar as coisas. Lembro que eu pensava que minha mãe tinha que me deixar sair no carnaval de 2002, mas ela me achava muito nova para isso e não me deixou sair....

LI-TE-RAL-MEN-TE “VIDA QUE SEGUE”

Por alguns segundos. Li-te-ral-men-te “vida que segue”. Vidas que não se escapam pelos dedos. Uma noite quente. Três colegas voltando do trabalho. Um cruzamento, dois carros e um motorista embriagado. Uma colisão. Os piores segundos: entre perder o controle do carro e sentir que ele parou. (ops, agora, escrevendo, meu telefone toca. Uma pausa neste texto). Era ele, “o rapaz de ontem”(sic). O “rapaz” nasceu na década de 40 (minha mente irônica e raivosa toma voz nestas aspas). Pediu perdão,...

A vergonha te atrapalha?

Em outros textos por aqui já falamos sobre a importância das relações interpessoais na vida dos seres humanos. Pode até parecer óbvio, não vivemos sós o tempo todo, necessitamos destas interações. Porém, interagir não é fácil. Muitas questões podem dificultar que tenhamos um momento satisfatório ao lado de alguém, ou que pelo menos se fique com a consciência tranquila por estar agindo como se gostaria.   Nós, muitas vezes, temos problemas de comunicação, não sabemos o que ou como falar. Por...

Os objetos da história e a história dos objetos

Tive meus 4 avós. Com cada um aprendi coisas diferentes, muitas coisas que constituem quem eu sou hoje. A vó Georgina, amorosa e doce no tratamento com as pessoas, nos recebia com aquele sorriso lindo e largo. Lembro que levou leite quente na cama nas poucas vezes em que dormi na casa deles. Nunca esqueci daquele gesto de amor, a vó de camisola azul clarinha com aquele copo de leite e aquela mão macia. O Opa, nos dava beijo na...

Pequenas Pausas

Semana passada dei uma oficina de Mindfulness para profissionais da saúde e nessa oficina conversávamos sobre a correria que nós sentimos no dia a dia, sobre a percepção de sempre termos demandas para dar conta e essa sensação de que precisamos estar produzindo algo em todos os momentos em que estamos acordados. Não sei vocês, mas eu normalmente me noto cansada e ansiosa quando me sinto experimentando essa sensação a maior parte do tempo. Então, dentro desse assunto, falamos sobre...

MINDFULNESS PARA AUXILIAR NA COMUNICAÇÃO DOS CASAIS

    Às vezes, apenas reconhecer o que realmente está acontecendo ao invés do que “deveria” estar acontecendo, é tudo o que é   necessário para transformar nossa experiência. (Willians, Teasdale, Segal, Kabat-Zinn, 2007)   Este texto tem como base o capítulo 12 do livro Diferenças Reconciliáveis reconstruindo seu relacionamento ao redescobrir o parceiro que você ama, sem se perder (Christensen, Doss e Jacobson, 2018), o qual sugere estratégias de mudanças na relação conjugal por meio da Atenção Plena, ou Mindfulness. Os...

Mindfulness, para quê?

Nos últimos anos, a onda do mindfulness, ou atenção plena,  cresceu bastante em nosso país. Livros de autoajuda, aplicativos de meditação, matérias em jornais, vídeos, blogs e revistas, fazem o mindfulness ser cada vez mais popular e conhecido. É ótimo que algo que tem potencial de fazer bem às pessoas possa se espalhar com facilidade, mas como tudo na vida, o “boom” do mindfulness tem também seus riscos, especialmente quando se deposita nele a expectativa de ser o caminho da...