A vergonha te atrapalha?

Em outros textos por aqui já falamos sobre a importância das relações interpessoais na vida dos seres humanos. Pode até parecer óbvio, não vivemos sós o tempo todo, necessitamos destas interações. Porém, interagir não é fácil. Muitas questões podem dificultar que tenhamos um momento satisfatório ao lado de alguém, ou que pelo menos se fique com a consciência tranquila por estar agindo como se gostaria.   Nós, muitas vezes, temos problemas de comunicação, não sabemos o que ou como falar. Por...

Os objetos da história e a história dos objetos

Tive meus 4 avós. Com cada um aprendi coisas diferentes, muitas coisas que constituem quem eu sou hoje. A vó Georgina, amorosa e doce no tratamento com as pessoas, nos recebia com aquele sorriso lindo e largo. Lembro que levou leite quente na cama nas poucas vezes em que dormi na casa deles. Nunca esqueci daquele gesto de amor, a vó de camisola azul clarinha com aquele copo de leite e aquela mão macia. O Opa, nos dava beijo na...

ACT: Começando a Surfar

A Terapia de Aceitação e Compromisso (ACT) foi desenvolvida ao longo de três décadas e é uma aplicação da psicologia comportamental contemporânea, uma terapia focada no contexto e nas funções. Na ACT, a relação terapêutica é forte, aberta, mútua e respeitosa para que o terapeuta possa criar um contexto para a mudança. Luoma, Hayes e Wesler (2007) trazem diferentes formas de começar a surfar na ACT. Primeiro, antes de começar a aplicar esta abordagem na prática com os clientes, é recomendável que...

Eu que já não quero mais ser um vencedor

Hoje resolvi falar um pouco sobre um processo que eu tenho me engajado nos últimos anos e tem feito muito sentido para mim e me ajudado a viver de forma mais leve. Lembrando que estou apresentando aqui o meu ponto de vista e que pode não fazer sentido para todo mundo, mas compartilho ele aqui para quem possa ser útil. Em muitos momentos da minha vida eu me vi me cobrando muito de que eu deveria desempenhar bem em todas...

O Ponto de Escolha – uma ferramenta para flexibilidade psicológica

Muitas vezes na vida, nós encontramos momentos que podemos considerar como pontos de transição, bifurcações que vamos encontrando na estrada da vida dia após dia. Umas são grandes outras são pequenas, mas todas são significativas porque dizem respeito a como vivemos a vida. São aqueles instantes em que se cria um espaço entre estímulo e resposta, um espaço de liberdade no qual podemos direcionar nossas ações para o lado que quisermos, dentro das possibilidades que se nos apresentam. Nessas situações,...

Aplicação do Diagrama Matrix para auxiliar na discriminação de pensamentos, sentimentos, valores e ação comprometida quando se tem uma doença.

A Matrix é uma ferramenta terapêutica utilizada para apresentar e treinar as pessoas em um ponto de vista contextual funcional. O modelo ACT- Matrix foi elaborado por Kevin Polk, Mark Webster e Jerold Hambright para facilitar a flexibilidade psicológica e orientar para o comportamento psicologicamente saudável (Polk & Schoendorff, 2014). Para saber mais, acessem aqui no Blog excelentes textos sobre a Matrix. Pode-se definir a Matrix como um modelo clínico e visual que auxilia na discriminação de pensamentos, sentimentos, valores...

10

Estava pensando no que escrever e fui dar uma olhada nos textos anteriores. Não é sempre que me ocorre uma ideia de bate-pronto para escrever. A inspiração pode chegar de coisas rotineiras. Coisas que você pode comer, encontrar pelo canto do quarto, ou numa caminhada pela beira da praia. Observando rapidamente os texto escritos aqui no blog, percebi que este é o de número 10.  E 10 é um número de inspiração. É Pelé. É Maradona. E, é claro, o...

Maldita perfeição…

Ela atrasa minha vida. De verdade. Um trabalho para entregar, uma aula para dar, um jantar para fazer, ou até mesmo uma fala na conversa com amigos… lá vem a perfeição me dizendo que tem que sair tudo clean, perfeito. Assim, este texto será um espaço para eu praticar a imperfeição. Você pode ter desanimado agora e até pensado “Por que diabos ler algo que não estará perfeito?”. Talvez então eu e você não sejamos os únicos com certa dificuldade...

O SENTIDO DA DOR

Dentre as tantas espécies que habitam este planeta, eu gostaria de trazer apontamentos sobre a nossa espécie no seu processo evolutivo. Nossos corpos foram se moldando, desenvolvemos linguagem, capacidade de representar mentalmente tudo o que está ao nosso redor e o mundo transformar. O rápido avanço tecnológico que alcançamos, especialmente nas últimas décadas, nos coloca – aparentemente – muito distantes de quem um dia fomos lá nos primórdios da humanidade. Construímos meios de transporte, lares confortáveis, temos fontes de alimentação rápida...